O JEJUM E O CAFÉ DA MANHÃ

O café da manhã é um tema importantíssimo no mundo do jejum intermitente.



Eis o porquê: durante anos, nos foi dito que o café da manhã é a refeição mais importante do dia. Na verdade, muitas pessoas são muitas vezes repreendidas por seus médicos por pular “refeições” especialmente as pessoas que estão embarcando em um método ou um regime para perder peso.


um estudo realizado em 2008 mostrou que os participantes que faziam o café da manhã altamente calóricos perderam mais peso do que aqueles que não fizeram. A teoria defendida pelos resultados foi que a ingestão calórica mais elevada no início do dia levou as pessoas a fazerem lanches com menos frequência diminuindo a ingestão calórica total.

O resultado desse estudo tem sido questionado, por muitas razões, não menos do que é que, apesar do fato de que cerca de 90% dos americanos tomam café da manhã, e de 50% dos americanos estão acima do peso. Se o café da manhã é o primeiro passo para a perda de peso, então é claro que alguma coisa está acontecendo de errado.

O único argumento real analisando as pessoas que tomam café da manhã regularmente é a sensibilidade à insulina, quanto mais sensível seu corpo está à insulina, é mais provável a perda de gordura. O aumento da sensibilidade à insulina quase sempre resulta dem uma dieta mais eficiente.


A sensibilidade à insulina é maior quando os níveis de glicogênio estão esgotados; após o jejum que você faz durante o sono. O jejum intermitente eleva esse resultado, extendendo o período de jejum (depois do sono) pulando o café da manhã (esgotando ainda mais o glicogênio) vai aumentar a sensibilidade à insulina ainda mais.

A sensibilidade à insulina também é aumentada pós-exercício, devido a uma maior depleção de glicogênio, além de outros mecanismos.


Em última análise, tudo isso significa que não há nada de especial sobre café da manhã e a primeira coisa de manhã, a primeira refeição que você come para quebrar seu jejum será exposto aos benefícios do aumento da sensibilidade à insulina.


A parte mais importante é a DURAÇÃO DO PERÍODO DE JEJUM, e não o horário do jejum. Pular o café da manhã só deve ser praticado se isso for mais fácil na sua rotina.

Baseado no artigo  John Romaniello: Guia para iniciantes de Jejum.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recent

recentposts