O jejum intermitente no Vale do Silício: É comum os empreeendedores ficarem sem comer por no mínimo....




O café da manhã na quarta-feira  é a refeição favorita  da semana do engenheiro Paul Benigeri.


 Por quê? "Estou sem comer por 60 horas"!
Benigeri relatou ao Business Insider em uma manhã ensolarada em São Francisco, depois de quebrar o jejum com uma refeição lowcarb.


Benigeri e seus colegas de trabalho na Nootrobox, um serviço de distribuição de "drogas inteligentes", ou suplementos que melhoram a cognição, são parte de um grupo de entusiastas  do JEJUM INTEEMITENTE, chamado WeFast (nós jejuamos).



O grupo acredita que o jejum intermitente promove a longevidade, aumenta o foco e produtividade, e leva a uma dieta saudável.






A primeira regra do grupo  WeFast é, você come assim que a sua comida chega à mesa.






O grupo se reúne todas as manhãs de quarta-feira em um restaurante italiano. No momento em que eles se sentam para quebrar o jejum, a maioria dos membros do grupo diz estar em JEJUM por 36 horas.

O jejum intermitente é uma moda crescente no Vale do Silício, em que as pessoas ficam sem comida no mínimo por 14 horas por vários dias. É cada vez mais popular entre os executivos.



Quando o corpo entra em modo de jejum, ele deixa de produzir muitos hormônios relacionados ao câncer e diabetes. Em vez disso, o organismo leva uma pequena pausa para reparar as células - um processo crucial para melhorar a longevidade.



Este "estado de manutenção" pode ser a chave para vidas mais 
longas.


Pesquisa com animais do Instituto de Longevidade da Universidade do Sul da Califórnia apóia esta ideia. Os ratos que jejuaram durante dois a cinco dias por mês mostraram biomarcadores reduzidos para diabetes, câncer e doenças cardíacas, bem como um sistema imunológico rejuvenescido.

Outra vantagem para os empreendedores é que, eles não precisam se preocupar com indigestão alimentar. Não há ansiedade quanto à próxima refeição, podendo se concentrar com foco total no trabalho.



Zhill, um gerente de mídia social no Nootrobox, ficou chocado quando descobriu que seus novos colegas de trabalho voluntariamente "passam fome". Mas depois de tentar o seu primeiro jejum na semana passada, ele sentiu que ganhou muito tempo e foi mais fácil manter o foco durante todo o dia.


Traduzido e adaptado por Flávia Trajano 
Criadora da Fan Page e administradora do grupo : JEJUM INTERMITENTE SEM MITOS

Artigo original (aqui)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.